1 de agosto de 2008

RE VISÃO


Xixi das estrelas
Biblioteca da viagem
Acentuação do erro humano
Miragem na paisagem da imperfeição
do blogo do ego trip U MANO
Conselho da Fenomenologia da estrada experiência individual
Husserl na rodovia da possibilidade do conhecimento
Subjetividade transcendente de si mesmo

6 comentários:

Ricardo Wagner disse...

Tem uns espermatozóides na tua "visão".

Vacilando na prevenção, errando na tabelinha, apela pra pílula do Dia Seguinte.

Nanda Assis. disse...

engraçado o comentário vizinho.
gostaria de saber o nome deste tipo de poesias que vc faz, acho muito legal, de verdade.
bjosss...

Moacy Cirne disse...

Xixi das estrelas: xote das palavras. Assim é a poesia. Abraços.

Layla Lauar disse...

meu querido..voltando trôpega, sonada e com os neurônios prejudicados, portanto, faltam-me as palavras com dimensão suficiente para o entendimento dos seus versos.

beijos com carinho de saudade.

Anônimo disse...

Xiiiiiiii...Adorei
Beijos
http://sex-appeal.zip.net
http://cara-nova.zip.net

Fabrício Brandão disse...

Bacana a construção das palavras, esses rearranjos de vida impregnada em poesia que urge.

Abração, querido!