3 de janeiro de 2009

A ORDEM DO DISCURSO

não tenho reta e nem contorno
labirinto - me na estrada
ontens hojes amanhãs
me traduzem menino
na passagem rápida no éter do tempo
fagulho faísca arregaço e insisto
trepo no melhor do trepar com a cuca
e o saci
faço feixe de luz no som da manhã
meus olhos agora mesclam o castanho claro
dos negros e o verde dos portugal amaral
meus olhos agoram vêem muito além daquilo
que é além
pedalo nuvens disfarço meteoros
a verdade ainda é incapaz talvez
verdade?
há verdade no texto talvez no meu pau
cafungarei Foucault, Nietzsche e Sartre dez
vezes cada livro
dizem que sou louco
o meu ex aluno me chamou de doidão
parei a aula e perguntei:
___qual sua concepção de doidão?
fiquei pensando....
__é , ele deve fumar um baseado, mas nem componhe
uma música , é tolo e burro.
a os meninos de hoje são iletrados
deveriam ler e ler, reler e treler alguma coisa boa.
meus olhos verdes aparecem no claro
o que tenho em mim é o sol na alma
na Ordem do Discurso tem coisas que gosto
muitos agora são poetas, escritores, filósofos
a democracia dos blogues fez isso de forma
talvez superficial
termino isso com Foucault:
"O novo não está no que é dito, mas no acontecimento de
sua volta"
inverter a verdade e transar com ela
do avesso , pedindo para ela fazer um
pompoarismo já que é verdade
Será verdade?

8 comentários:

nina rizzi disse...

caralho, velhodoidãoquasesafado! gostei do seu balacobaco. gostei muito. simetrias e referências e autenticidades.

valeu pela visita (onde me achaste?) um doismilinove sem panópticos e de superhomem pro seu existencialismo ;) tudo de (b)OM...

isaias de faria disse...

cassio, passei na 1 etapa agora sao as especificas abertas. vamos ver. sempre visito teu blog e tem coisa massa. um garnde abraço. em breve enviarei os $$ p o livro. apoio 100% sua iniciativa. valeu!!

nina rizzi disse...

que massa! quem dera eu estar com líria. e na terra da beija, tomar um banho de barro. tudo bem, fico com o mar que é mar pra tudo quanto é lado e o barro não me molda quando penso estar fazendo o que quero e não o que ele. leminskiagens... ex-fodidão dela. a que tu ouve. manda pra mim esses ouvidos. que nunca me olvido do belo, da poesia.

onde será seu lançamento? (não poso sair de fortaleza até julho). e o livro? mandaê..

beijos e OM OM OM OM...

Lisa Alves disse...

amigo, teu on-universo está sempre muito interessante! Um otimo ano para vc! Muita arte na veia!

Linaldo disse...

bom, bom mesmo. tem cara de minifesto. abraços

líria porto disse...

feliz por saber-te em contato com a nina rizzi - agora o endereço da nana (mariana botelho: http://quelevequenada.blogspot.com/

e o da roberta silva: http://ragimoana.blogspot.com/

e tu, cássio, estás em curitiba? fiquei doente lá em araxá - febril por 3 dias - tive que retornar antes da hora.
besos

líria porto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Cão danado de bão!!! Pra variar tudo aqui tão especial.
um beijo gigante no teu coração.
Cris Destri