16 de agosto de 2009


Foto Isaias de Faria


FAGULHA
Para Alice Ruiz

o futoro
é o claro
dentro do escuro

Cássio Amaral.

7 comentários:

Leila Andrade disse...

Bela composição, Cassio.
O futuro e seu contaste.

Beijo

Alice disse...

Grata, Cássio,
seus tercetos, ou poemínimos, ou bonzais poéticos são inspirados.

A.S. disse...

Será que o inverso será verdadeiro??


Beijos...

paula barros disse...

Soube da morte de Landau hoje a tarde. Estou lendo os amigos dele, mentendo ele mais vivo dentro de mim. Mesmo que ele não quisesse choro, é impossível não deixar as lágrimas escorrerem.

Lindo o que você escreveu. Bonito o seu carinho.

Elaine Lemos disse...

São essas surpresas que vêm e nunca chegam...

Saudade.

Amo.

Um beijo.

L. Rafael Nolli disse...

Cássio, mais um escritor a partir. Mais uma grande perda para a nossa literatura!

Fabrício Brandão disse...

Esse contraste claro-escuro nunca deixa de ser par constante de nossos mais ancestrais receios.

Belo arremate, querido!

Abração