19 de outubro de 2009

PLEONÁSTICO.

Um contexto
no texto
a língua pátria
pare
um golpe no intertexto
as horas devoram tempo
orar orações nada subordinadas
riscar os cacos de vidro
e chamar os cães azuis no uivo
do subentendido.

Não entendo as reticências
Já que sou exclamação.

2 comentários:

isaias de faria disse...

exclame teu verbo teu texto tua saliva

BAR DO BARDO disse...

Metapoesia... Meta nela!