10 de novembro de 2009

CHUVINSKIS

I

nuvens furam
chuva forte
pingos pulam

II

asfalto formado
assalto da chuva
tarde molhada

III

pingos leves
aumentam na chuva
vontade de frio

IV

pingos gritam
chuva aumenta
o sonho da tarde

V

cinco nuvens
cinco pingos
cinco chuvas: um abrigo

2 comentários:

BAR DO BARDO disse...

A chuva veio de Curitiba, lá na Polônia...

Í.ta** disse...

gostei muito dos versos finais!

obrigado pela visita.

gostei deste espaço.
linkei lá, logo depois do blog da maeles =)

grande abraço!