17 de setembro de 2011

GRANT


a areia somos nós que passamos
a passos lentos ou rápidos
a areia somos nós que a água dá um toque
 de pó
mar que aniquila o ínfimo eu
a areia e areia em outras praias
que nascem areia
que permanecem areia
a amplulheta é o sinal
onde rasgo-me com maeles
para dar parto
partida
a luz faísca no borbulhar da água
que o parto
traz
luna
sol
stellar
o nome é rodrigo
ou maria luiza
nomes bons para um poeta!

Um comentário:

isaias de faria disse...

passando p t ver. excelent poema. muito bommesmo velho.
abraços aí.