2 de outubro de 2011

MALU

Filha
Te espero
No sul

MARIA LUIZA

areia areia
pó poema
nosso amor em você.

NOSSO POEMA

não há rima
nosso verso
é Malu

------------------------------------------
Nem Borges nem Ayra
Conhecem o poema
Que fiz para ti filha

----------------------------------------------

MALU

As primeiras letras de seu nome são da sua avó
e também da minha bisavó.

3 comentários:

Nanda Assis disse...

parabéns!! saude e paz pra vc e a pequena malu. que venha com lindos olhos, carregados de poemas seus.

bjos...

Lisa Alves disse...

Um filho é a continuação de sua vida, os livros imortalizam a alma do escritor e um filho imortaliza a carne. Parabéns, poeta!

jorge vicente disse...

meu querido poeta e amigo,

que malu seja o mais belo poema criado por ti e por maeles!!!

sinto-me grato por ter conhecido vocês!!!!

belos abraços de portugal!
jorge