26 de novembro de 2009

NAVEGAÇÃO

evitar a fatiga do texto
explodir o contexto
singrado de signos

2 comentários:

Felipe Marques disse...

uma contemplação da poética marítima


muito bom!

abraço

isaias de faria disse...

poesia poesia!