18 de fevereiro de 2012

FILOSOFANDO À-TOA

O conceito despudorou-se
seus grilos sem grilos
pularam no Boldo do Chile
para no Cacto sentir o vento do mar
depois que o sol engoliu o poema
a fala silenciosa no "Devagar e Sempre"
proseou com o romance um conto
perscrutando a palavra nova:

léxico.

5 comentários:

isaias de faria disse...

despudor sem grilos é bom

isaias de faria disse...

sempre venho te ler, brother

BAR DO BARDO disse...

viagem {das(trip)as}

voc
all

L. Rafael Nolli disse...

Cássio, meu camarada! Filosofando, filosofando! Sempre!

Elisa T. Campos disse...

Filosofando devagar e sempre.