15 de janeiro de 2013

DESCOLO AS LETRAS JÁ COLADAS

A literatura não serviu para me parir.
Essas  letras são muito certinhas alinhadas
ao academicismo que quer um método.
Meto logo é fogo na sintaxe para o vocábulo
explodir verso em movimento.
Não pretendo ser escritor, poeta ou autor.
A brincadeira  é debulhar significados que 
não podem parar com essa prosa contínua.
Não há limite para o léxico. 

Surpresa são reticências  que a vida desvenda 

no instante que passa o 

Arco-Íris. 

13/01/2013.


Um comentário:

Paulo Blue disse...

E o tempo é o Rei.